Ads 468x60px

6 de fev de 2016

Essa coisa do dia do amigo...

Cedido por WorldArtMe.
Olá, amigas e amigos. Tudo belezinha com você? Espero que sim...

Por esses dias o Facebook foi inundado por vídeos que eram montagens de fotos. O próprio aplicativo, por conta do tal dia do amigo, se oferecia para editar um vídeo com fotos de seus momentos felizes com seus amigos... Hum... Vamos, só por um momento, fingir que a gente acha de fato que o que postamos na rede social corresponde à realidade de nossas vidas, só pra podermos prosseguir com essa postagem. 


Será mesmo?

Gostaria de saber de vocês, pra quantas pessoas que estão na sua lista de amigos do site, vocês de fato confidenciam alegrias e tristezas. Por que da última vez que chequei, ter um amigo é isso. É poder comemorar junto, chorar junto, é ser entendido, é ser afagado... É olhar pro lado e ter este espaço preenchido. Meu Facebook deve ser um horror mesmo, por que sim, tenho alguns amigos lá. Mas não os conheci através da rede social. De fato ela é bastante coadjuvante no que tange minha vida social, com raríssimas exceções. 

Eu devo ser um E.T. neste mundo... Por que não fico exibindo minhas alegrias, e nem minhas tristezas, na rede. Não fico postando fotos das festas que vou, das roupas novas que compro, das coisas que tenho. Por que as pessoas não precisam saber. Quem precisa saber, ou quem eu quero que saiba, tem meu telefone, sabe aonde moro, e fala comigo por outras vias... 

Não fiz o vídeo do dia do amigo, por que meu Facebook não retrata minha vida. E eu acho que seria minimamente esquisito que minhas interações na rede social aparecessem como sendo minhas grandes amizades, por que não são - de novo, com raras exceções. Se eu fosse depender da maior parte das pessoas naquela rede para me sentir melhor comigo mesma, ou menos só no mundo, sinto informar, mas essa seria a sensação...

Cedido por Giphy.

Os meus amigos de verdade, eu chamo pelo telefone quando preciso, ou quando quero estar com eles. Os que moram longe, ainda assim não dependem da rede social para me ter em seus corações, e vice-versa. Um dos 'locais' em que me sinto mais sozinha é de fato a rede social. Tanta gente lá, e ninguém está prestando atenção em mim de verdade. Então, não, não fiz o vídeo do dia do amigo, por que meus amigos sabem quem são, e eu falo pra eles pessoalmente, olhando nos olhos, e regularmente, que eles são importantes pra mim. Nenhum vídeo supera isso...





JulyN.

0 comentários:

Postar um comentário